Para com essa mania de tomar decisões baseadas em médias. Pensa bem: se você faz escolhas importantes com base em médias, seu resultado final será mediano também.

Durante os anos 50, os pilotos da Força Aérea dos Estados Unidos estavam tendo problemas para controlar seus aviões.

O problema acabou sendo o cockpit, pois este tinha apenas um projeto. O cockpit tinha sido projetado para o piloto médio da década de 1920. 

A Força Aérea concluiu que eles deveriam atualizar suas medidas de piloto médio para ajustar o cockpit de acordo, assim resolveria o problema.

Com a ajuda do Tenente Gilbert Daniels, a Força mediu mais de 4 mil pilotos em 10 dimensões.

A surpresa? Nenhum piloto estava dentro da média nas 10 dimensões. Ou seja, de 4 mil pilotos, nenhum era “médio”. 

Se o cockpit foi projetado para o piloto médio, na realidade não foi projetado para piloto algum. 

Jaggedness Principle of Individuality

Cunhado por Todd Rose, o Jaggedness Principle of Individuality afirma que, medindo uma coleção de traços através de um número suficientemente grande de indivíduos, aproximadamente metade dos indivíduos estará acima da média, e metade abaixo da média para qualquer traço em particular.

Uma vez que ninguém é médio, por que as organizações continuam a tomar decisões baseadas em médias? 

Passamos grande parte da nossa educação universitária sendo ensinados a tomar decisões baseadas em médias – taxa média de rotatividade, taxa média de cliques, tamanho médio da cesta de mercado, taxas médias de mortalidade, taxas médias de infecção COVID-19 e taxas de mortalidade. 

Atravessar o abismo analítico requer uma mudança mental na forma como a organização toma decisões.

Tomar decisões com base “na média” não é como as empresas bem-sucedidas sobreviverão na era da transformação econômica digital.  As organizações precisam abraçar o poder da nanoeconomia – a economia da entidade individual. 

As organizações podem acoplar o conceito de nanoeconomia com Perfis Analíticos para saltar através do abismo analítico em transição de decisões baseadas em médias, para decisões baseadas em propensões previstas.  E, como resultado, estas organizações podem se tornar mais eficazes na alavancagem de dados e análises para potencializar seus modelos comerciais e operacionais 

Published On: julho 9th, 2021 / Categories: Data Science, Estatística /

Aprenda a conseguir trabalho

Se inscreva para receber acesso gratuito ao módulo Conseguindo Trabalho!

Obrigado por se inscrever!
Houve um erro ao enviar sua inscrição. Tente novamente mais tarde.

Ao acessar, você concorda em receber nossos comunicados.